24 de mai de 2009

* Problemas de acesso!!!

Meninas não sei o que ta acontecendo, mas ñ estou conseguindo acessar meu Blog, a página não abre, as imagens ñ carregam e da erro e depois fecha...ñ sei o que é isso, mas to de saco cheio!!!!
Consigo abrir o Blog de td mundo menos o meu!!!! buáaaaaa
Me falaram que é uma instabilidade do "Explorer", realmente por outro navegador eu abri normalmente, mas se fosse assim, pq abro outros blogs e só o meu dá problema!!!
Vcs estão tendo este problema tbm???
Bjsssssssss

23 de mai de 2009

* Vamos brincar de Quiz??? *

Resolvi fazer a brincadeira do QUIZ no meu Bloguinho...quem quiser participar fique a vontade...acho um ótimo jeito de sabermos mais uma das outras...


QUIZ
Onde está seu celular? Largado em cima da cama
Cor do cabelo? Pretos...bem pretos
Sua mãe? Na sala assistindo TV e fumando
Seu pai? No quarto ele se esconde lá...
Seu filho? Não tenho, meu maior sonho...minha Luta
O que mais gosta de fazer? Ficar com o meu amor e Comprasssssss
O que você sonhou na noite passada? Com um teste de farmácia POSITIVO...fiquei irradiante!
Onde você está? Em casa, na sala.
O que vocês faz: Sou Enfermeira
Estuda: Terminei a faculdade de Enfermagem ano passado
Onde você gostaria de estar agora? Em um sítio curtindo este friozinho com meu "amor"
Onde você gostaria de estar daqui a seis anos? Na minha casa própria, com meus filhos, meu amor e fazendo especializações.
Onde você estava há seis anos atrás? Trabalhando, ganhando mal pra caraleooooo e sonhando entrar na Faculdade
Onde você estava na noite passada? Em casa lendo Gémeas (Mônica Dicastro)
O que você não é? Falsa
O que você é? Extremamente carinhosa, ansiosa, compulsiva, super bem humorada, guerreira, verdadeira.
Objeto do desejo? Minha Casa própria
O que vai comprar hoje? Nada...nente (estou sem dim dim)
Qual sua última compra? Um vestido lindo e 3 blusinhas
A última coisa que você fez? caminhaei na esteira, almocei e olhando os comentários do blog.
O que você está usando? Xiiiiiii..."fico em casa igual mendiga"..kkkkkkkk (to com um shorte de paninho td velho e largo, uma blusa branca mais velha ainda e chinelo Avaianas) Credo!!!
Na TV? Muitos Filmes, Jornal, Planet Animal, Discovery, Dr.House, Greys Anatomys...adoro!!!!
Seu cachorro? Minha "Basset Hound" ( Doroty) minha paixão!!!
Seu computador? Veio lá das Casas Bahias...dedicação total à vc!!!!
Seu humor? Sempre animada (difícil eu estar mal)...desde que ñ pisem no meu calinho!! Vou do céu ao inferno com mt facilidade.
Com saudades de alguém? Do meu amor, o namorex ta na casa dele.
Seu carro? Vendi....to pagando consórcio de outro!
Qual perfume que está usando? Body splash (Love Speel) Victoria's Secrets
Vontade de quê? Rodízio de Pizza (Parmê)
Preguiça de? Arrumar meu guarda roupa e meu quarto.
Ama alguém? Sim, meu amor, minha familia, a Doroty!
Quando foi a última vez que deu uma gargalhada? Meia hora atrás, assistindo "Friends"!
Quando chorou pela última vez? Ontem...briguei com amor e fiquei triste e pra baixo.
E o amado? Na casa dele...buáaaa..saudades!

Um ótimo Final de Semana pra vcs!!!!

21 de mai de 2009

* Levantando Astral *

Oi miguxasss!!!
Sentimentos ruins passando e eu levantando o astral novamente!!!
Cuidando de mim, do peu corpitcho, da minha saúde e claro me preparando pra próxima fase fértil...
Ps: Se neste ciclo ñ rolar BB, vou iniciar AC para tratar ovário Policístico, pois acho que Utrogestam está me ajudando mt não...
É isso amores...
Uma ótima noite pra vcs!!!!

20 de mai de 2009

* Iupiiiiiii!! Nosso 2º Selinho!!!*

Ebaaaa!!!! \o/
Olha o selinho lindo que ganhei da minha amiga linda "Aline" do Bloguinho (http://queroumbebezinho.blogspot.com).... mT obrigada por td Aline, pois vc sempre se faz presente nos meus momentos...
Amei de paixão miga!!!!
Esse selo diz tudo!! Ser treinante é ser Guerreira!!!!

As re grinhas são bem simples:

1-Colocar o selinho no seu blog;
2-Criar uma post para indicar + 5 tentantes;
*Vou colcar minhas 5 tentantes Guerreiras e que eu adoro!!

Minha Fadinha (http://queroumavidaemmeuventre.blogspot.com/)

Miga Dee (http://embuscadonossoamormaior.blogspot.com/

Miga Debora (http://onlydeh.blogspot.com/)

Miga Bete (http://cofissoesdeumatreinate.blogspot.com/)

Miga Tati (http://tati-anna.blogspot.com/)

Miga Polly (http://www.blogger.com/profile/14691881869130508172)

*Espero que gostem!!!!

Bjssssss com carinho!

19 de mai de 2009

* A palavra é Medo *


Como eu queria vir aqui postar uma boa notícia pra vocês...mas infelizmente ñ tenho!!!
Minha monstra veio hj pela manhã e com ela se inicia mais um ciclo, mais um ciclo de tentativas, mais um ciclo de esperanças e talvez mais um de decepção...
Nestes últimos 6 anos de treinamento, na maioria das vezes que a monstra vinha eu ficava triste, deprimida, irritada....hj?
Hj foi diferente...fiquei um tempão no banheiro tentando definir o que estava sentindo, pensei pensei....será tristeza?
Raiva?
Mágoa?
Angústia?
Não!!!!
O sentimento de Hoje é MEDO!!!!!!
Sim...medo de ñ conseguir nunca, medo de ter algum problema que ainda ñ foi encontrado, medo que Deus ñ permita nunca que eu seja Mãe, medo de novamente ter que responder as perguntas alheias: "E aí nada?", "Será que vc ñ vai poder ter filho?", "Será que só adoção?"...quanta pergunta idiota que eu tenho medo de responder neste momento ....adoção como?, nem casar eu consegui ainda...
Estou numa fase da minha vida onde as coisas estão super difíceis...eu e meu "amor" estamos encontrando diversos problemas e obstáculos para conseguirmos nos casarmos, tivemos que adiar a compra da nossa casa e teremos que juntar mais dinheiro, daí pensamos em construir aqui no quintal dos meus pais, uma casa pequena e "provisória" até comprarmos a nossa, mas meu "pai" resolveu botar um monte de impecílhos (mas pro meu irmão e a mulher dele foi uma facilidade só, parece até complor contra mim)e nós ñ queremos ir morar de aluguel, pois com a despesa que o aluguel nos trará, mais vai demorar pra termos nosso canto.
As vezes parece que nunca vai dar certo e tenho "medo" que ñ dê.
Afffffff...."Caramba...quanta coisa chata!!!!"
*Voltando ao assunto de gravidez...ñ sabem como me sinto incomodada quando vejo no Efamily ou em outro lugar qualquer, quando uma treinante reclama e se senti frustrada pelo negativo...mas como assim? Ela só é treinante 2, 3, 4 ciclos ..caraca o que são 4 ciclos comparado a 72 ciclos de tentativas desgastantes....como isso me irrita. Mas depois paro e penso:... ñ posso querer definir ou julgar o sentimento delas, a minha vontade ñ é maior ou melhor que a delas, nem julgar minha espera mais importante, a minha é somente mais longa que a delas...depois me acalmo e claro, conforto aquelas que necessitam de apoio naquele momento.
Vou continuar pensando que se ñ aconteceu é pq Deus ainda ñ quis...quem sou eu pra julgar a vontade de Deus...ñ é mesmo?
**Neste ciclo!!!
Uma palavra: Medo
Uma frase: "Sucesso é a arte de extrair rendimento daquilo que faz sentido profundo pra vc."
Um filme: Velozes e furiosos 4 (assisti e amei)
Livros que li: "Um amor de verdade"(Zibia Gasparetto), "Semeadura e Colheita"(Ricardo Orestes Forni), "O Passado ñ importa"(Elisa Masselli), "O destino em suas Mãos"(Elisa Masselli) lendo ainda....Uffaaaa eu li pacas este ciclo, o que me ajudou mt a conter td a ansiedade e também me fizeram refletir sobre mts coisas.
Promessas pra este novo ciclo:
*Entrar pra academia denovo
*Procurar outro médico
*Diminuir a ansiedade e relaxar
Uma lição que aprendi:
*Ao invés de perguntar:"Porquê eu?...eu pergunto..."Porquê não eu?

>Bjsssss e obrigada a todas pela força que recebo aqui!!!!

18 de mai de 2009

* Atraso ou...? *


Ihhhhhhh!!!
Sei não heim...meu ciclo anterior foi de 25 dias...no 11º eu ovulei e claro que namorei....(rs)...estava esperando a monstra pra ontem(25ºdc) ou hj...mas até agora nada!!!
*Sintomas?
#Seios intocáveis e mega inchados
#Cólicas leves algumas vzs durante o dia
#Um pouco de azia
#enjoo...
*Mas levando em consideração que nessa nossa vidinha de treinante a gente sempre tem um monte de sitomas e as vezes quebra a cara eu nem me "atrevi" a fazer o teste...meus últimos foram um fiasco, era eu fazer e a mostra vir...e como estou numa fase "cagona"(rs), prefiro ñ faze-lo...acho que vou ficar aqui quietinha esperando ver o que acontece.
Desta vez não estou ansiosa....
Acreditam???????

15 de mai de 2009

Espermograma...Resultado!!!!

Meninas acabei de ver na Net o resultado do Espermograma do Namorex e vim postar pra vcs....O que vocês acham?
Tem algumas alterações, mas eu acho que de um modo geral ñ ta ruim não....Ajudem!!!!!!!

ESPERMOGRAMA AUTOMATIZADO
Proprieddaes físicas e químicas:
Volume: 4.0ml
Referência:2-5ml
PH: 7.5
Referência: 7.0 a 7.8
Cor: Branco
Referência :branco, opaco a cinsa e amarelado
Viscosidade: Ligeiramente aumentada
Referência: Normal
Duração da Coagulação: 45 min.
Referência: Até 30 min.
Liquefação primária: Ausente
referência: Ausente
Liquefação secundária: Presente
referência: Presente

AVALIAÇÃO AUTOMATIZADA
Contagem Global: 65.7 milhões/ml
Referência: >20 milhôes/ml
Contagem de Espermatozóides no Ejaculado: 262.8 milhões/ejaculado
Referência: >40 milhões/ejaculado

AVALIAÇÃO DA MOTILIDADE

Imóveis: 35%

Lentos: 6%

Moderados: 14%

Rápidos: 45%´

Móveis Progressivos: 20%

AVALIAÇÃO DA TRAJETÓRIA

Velocidade curvilínea: 42.1 mcm/seg

ref: >42 mcm/seg

Velocidade em linha reta: 27.8 mcm/seg

Ref: >28 mcm/seg

Velocidade média de Progressão: 33.2 mcm/seg

Ref: >33 mcm/seg

Frequência de Oscilação: 9.9 Hz

Ref: 8.0 a 14.0 Hz

Linearidade: 67%

Ref: > 60%

VITALIDADE

Formas vivas: 71%

ref: >70%

TESTE HIPOSMÓTICO: 30%

Ref: >59%

AVALIAÇÃO MICROSCÓPICA

Hemácias: 0/mm3

ref: Até 250/mm3

Leucócitos: 0/mm3

ref: Até 1000/mm3

AVALIAÇÃO MORFOLÓGICA

Alterações de cabeça: 30%

Alt. da Peça intermediaria: 9%

Alt. da cauda ou Flagelo: 14%

Gotas citoplasmáticas: 2%

NORMAIS: 45 %

ref: normais >30%

ESPERMOCULTURA NEGATIVA

= ausência de infecções


11 de mai de 2009

* Mais um Dia!!! *

Olá amores!!!!
Que essa nossa vida de treinate é feita de dias bons e ruins, isso eu ñ preciso nem falar neh...
Hoje foi mais um dia ruim pra mim...na verdade não ruim e sim desgastante.
Hoje foi o dia do exame (Espermograma) do Namorex, e a reação dos homens diante da necessidade deste exame é uma caixinha de surpresa, a reação do meu namorido ñ foi mt positiva não, a médica havia passado o exame pra ele em novembro do ano passado e só agora depois de mt pressão minha é que ele resolveu fazer...
*Pontos Negativos: grande nervosismo por parte dele (chegamos até a brigar), grande tensão diante da possibilidade de não conseguir colher o exame, constrangimento (ele já estava super constrangido, aí pra variar teve uma recepcionosta lá do laboratório que após digitar o pedido do exame deu aquela "risadinha" sabe, pois é, o que ele mais temia aconteceu), infelizmente pra mts pessoas sem conhecimento ou esclarecimento, o Espermograma ainda é motivo de chacota...em contrapartida pra nós tem um significado muito importante.
*Pontos Positivos: O laboratório é super aconchegante, e até bem recomendado. Ele colheu o exame até que bem rápido(rs), até eu me surpriendi...kkkkkkkkk...cheguei até este laboratório por indicação da minha Fadinha Deborah, nós iríamos fazer em um outro mt mais caro...nosso bolso agradeceu..rs (obrigada Fadinha).
O resultado sai dia 18 e eu concerteza volto pra postar pra vcs.
**Bem, falando de mim agora......AFFFFFFFF!!!! Minha Tb ta uma bagunça só.....provavelmente ovulei no 11ºdc, no 15ºdc time uma queda única e grande com posterior subida...e agora tive outra queda bem grande e única com posterior subida....as meninas acham que é nidação, eu infelizmente não estou com esperanças, pois estou com meus sintomas pré monstra: seios intocáveis de tanta dor e super mega inchados, barriga super inchada, retenção de líquido, super constipação....infelizmente eu "acho" que ñ foi desta vez ainda, provavelmente a monstra apareça...mas o importante é não desistir e confiar em Deus, pois sei que minha vitória é certa!!!!
É isso meninas...um grande beijo pra vcs!!!
Lii com carinho...

9 de mai de 2009

* Amor de Mãe!!! *

Mãe, sua bondade e ternura falam-me de Deus-amor!
Mãe, você me faz sentir a vida, a beleza das cores ,a harmonia, o encanto e a doçura!
Mãe, hoje quero dizer-lhe um segredo muito especial: eu Te Amo!Eu sei também que, de seu coração,brota sempre um gesto novo de amor e carinho!
Você é capaz de esquecer o sofrimento e a dor para me ver feliz!
Hoje, quero fazer por você uma prece muito bonita e sincera: Meu Deus, abençoa esta criatura tão encantadora que me deu a vida.
Abençoa esta mulher, amiga, minha mãe, hoje e sempre!
Mãe, você é o maior bem que eu tenho neste mundo!
Olhando o céu aberto, contemplo o grande tesouro de paz,sabedoria, paciência, bondade,ternura e acolhimento que permeia o seu ser.
Você me faz crer, minha mãe,que esta vida vale a pena ser vivida, quando entregue por amor!
Às vezes, quando a vida começa a ficar mais difícil,pensando em você, mãe,surge uma nova esperança e meu olhar começa a brilhar.
Você sempre espera de braços abertos o filho e a filha que precisam mais uma vez do seu aconchego,de sua compreensão e carinho, como se fosse a primeira vez.
Mãe! Presente de Deus para minha vida!
Mãe, recebe hoje meu abraço e todo o meu carinho!
E, agora, gostaria que o meu agradecimento soasse mais forte do
que todos os dias,porque hoje, mãe, é o seu dia!
FELIZ DIA DAS MÃES!!!!!

6 de mai de 2009

* Será ovulação? O que vcs acham?...Ansiosa

*Será que rolou Ovulex no 11ºdc?

**As minhas amiguinhas lindas lá do 28dias.es acham que eu ovulei mesmo...mas eu estou super ansiosa, na verdade, estou torcendo pra que tenha sido ovulação mesmo...Tomara que meu Positivão venha...To aguardando ansiosa pela chegada da minha 'Princesa Sarah" no forninho da mamãe!
Este é meu primeiro gráfico, e eu ñ entendo mt de Tb, o ciclo nem acabou ainda e eu já estou nesta ansiedade toda, sei que isso atrapalha...mas ñ consigo me conter...kkkkkkkkkkkkkk. A pior parte é a depressão qd a D.Monstra dá as cara ou qd vem o resultado Negativo... Mas eu ñ desisto Nuncaaaaaaaaaa!!!!!!!! Sei que minha hora vai chegar!!!!! A minha e todas as treinantes deste mundinho de meu Deus!



* 40 razões pra se ter um filho!!!*

1. Por que você quer. E muito
A gente não acha que ninguém é obrigado a ter filho, claro. Só tem de ter mesmo quem quer de verdade. E hoje isso é mais do que possível. A pílula é um pouco mais velha que a Pais e Filhos – chegou ao Brasil em 1962. Mesmo com todos os recursos que existem, 20% dos bebês no país nascem de mães com menos de 20 anos, e tem coisa errada aí. A gravidez nasce de um desejo (pode ser o de ter um lugar dentro da sociedade), e, para muitas jovens, acaba sendo o de ser mãe. O que a gente defende é que esse desejo seja consciente e venha na hora certa. Filho só pode ter a função de ser filho.
2. Para deixar de ser só filho E crescer! Básico: se você não tem filho, nunca deixa de ser filho. E aí, o seu crescimento é mais lento e mais difícil. Claro ue a gente não deixa de ser filho nunca, mas deixar de ser SÓ filho amplia, abre possibilidades novas, importantes, ricas. Filho nos traz essa oportunidade de nos tornarmos adultos de verdade.

3. Para entender melhor seus pais Paul Reiser, da série Mad About You, tem um livro sensacional sobre a paternidade, chamado Vida de Bebê. Na dedicatória, ele entrega: “Para meus pais, com todo o amor do mundo. Acho que agora eu entendi”.

4. Para descobrir uma imensa e surpreendente capacidade de amar Quando temos filho, somos apresentados a esse tal de amor incondicional. “Passamos por uma renovação e ampliação do repertório emocional, que é o que faz a vida interessante”, diz a psicoterapeuta Lidia Aratangy, mãe de Claudia, Silvia, Ucha e Sergio.

5. Para incluir mais gente numa história de amor que dá certo Ser casado sem filho é quase como ser solteiro: pode não fazer almoço um dia e tudo bem etc. etc. etc. Com criança no pedaço, a casa tem de ser reorganizada, não dá mais pra ter só água na geladeira... O mais importante: você precisa dividir e respeitar as decisões do parceiro sobre o filho também. Se tiver bases sólidas, a união pode ficar mais forte com tudo isso. Vocês deixaram de ser casal para ser família. Um grande e maravilhoso passo! E mesmo quem tem filho sozinho: o filho traz esse sentido de família e a gente valoriza isso demais.

6. Para deixar de ser adolescente Hoje, a gente vive mais e tem gente dizendo que os 30 são os novos 20, mas não dá para usar isso como desculpa para não amadurecer. Na adolescência, alguns de nós juramos que nunca vamos ter filhos, coisa da fase mesmo. O escritor britânico Ian Sansom, autor do livro De A a Z, A Verdade Sobre os Bebês, escreve: “Existe algo esquisito nas famílias. Existe algo triste nas famílias. Existe algo tão triste nas famílias que nos faz sair correndo para formar outras famílias.” É meio dramático, mas mostra que é possível reinventar a nossa história, outra lição que os filhos nos dão...

7. Para sentir o poder de gerar outra pessoa Saber que você pode gerar um novo ser é mágico. Não é à toa que as mulheres sempre foram vistas assim meio como bruxas, exatamente por causa disso. Ver a barriga crescer, sentir os primeiros movimentos da criança, é incrível. Apesar de a gente achar que, no fundo, no fundo, gravidez não faz ninguém ser mãe de verdade. É uma delícia e tal, mas, na hora que o bebê nasce é que começa a história pra valer.

8. Para aprender a respeitar as diferenças Por mais que você seja rígido na educação, é bom baixar a bola: seu filho nunca vai ser exatamente da forma como você imagina – e ainda bem, aleluia! Se você prestar bem atenção, vai perceber isso desde o primeiro momento: na primeira hora em que pegamos a criança no colo, já vem a sensação meio estranha: “Nossa, ele é outra pessoa!”. Que bom que é. E perceber quem é essa pessoa é o melhor da história toda, é o grande lance. Descobrir o temperamento do seu filho, ir sacando como ele funciona, como reage, o que gosta, o que não gosta... Junto com isso, aprender a respeitar e ajudá-lo a ser do jeito dele é maravilhoso. E, se a gente conseguir levar um pouco dessa experiência pras outras relações que temos na vida, então... Nossa! Melhor ainda!

9. Pra se emocionar com as conquistas dele A primeira vez que ele consegue engatinhar, andar... Quando escreve o nome, com as letras ao contrário ainda... Desde os anos 60, muita coisa mudou, somos a geração do “muito bem!” a cada passo da criança. Mas é importante saber que ele não vai ser o campeão sempre, claro. Então, deixe seu filho tentar, testar, errar. Acertar vai ser conseqüência. E o que importa é o processo, não esqueça que isso vale pros filhos também...

10. Para aprender que as coisas são como são, nem tudo é perfeito. E tudo bem! Ter filhos é golpe mortal no perfeccionismo, não tem jeito. As coisas vivem fugindo do roteiro o tempo todo. Você planeja dar a papinha ao meio-dia, ele cai no sono. Vai dar banho às 19h, ele já dormiu. Claro, a gente precisa ter organização, um mínimo de estrutura, mas também precisa aprender a se adaptar rapidinho, senão aí é que dança.

11. Para tomar mais cuidado com você mesmo Não é à toa que quem tem filho pequeno paga menos na hora de fazer o seguro do carro! As seguradoras sabem muito bem que esse público tem menos tendência a se acidentar, porque é mais cuidadoso mesmo. Quando recebemos o resultado positivo já cai a ficha de que, dali pra frente, você não está mais sozinho...

12. Aceitar a maturidade com tranqüilidade A expectativa de vida cresce a passos largos. Hoje, é de 71,7 anos no Brasil. Em 1960, ficava na casa dos 50,4. Por outro lado, vivemos numa sociedade que supervaloriza a juventude. Mas a gente envelhece mesmo, e isso é muito bom, cada fase da vida tem sua beleza. Com os filhos, isso fica mais claro. A gente não precisa ser eternamente jovem, podemos curtir a juventude deles. A passagem do tempo ganha um outro sentido.

13. Para poder, um dia, ser avó ou avô Claro que ser avó ou avô não depende da gente, depende de os filhos quererem ser pais. Mas, se a gente fizer a nossa parte direitinho, as chances crescem. Se não tivermos filhos, por exemplo... A chance fica nula de verdade.

14. Para cuidar de alguém “Um dia, há muitos anos, encontrei uma garotinha de 3 anos que me perguntou: ‘Você tem filhos?’. ‘Não’, respondi. ‘Você tem cachorro?’ ‘Não’, disse. E ela: ′Então, afinal, do que você cuida?′”, nos conta o psicólogo André Trindade, pai de criação de Gabriel e Laura. Ele diz que criar, cuidar, fazer crescer, acompanhar, proteger e se responsabilizar por alguém alimentam a criatividade em nós. A gente concorda total.

15. Para deixar de ser o centro da própria vida A criança é egocêntrica por definição. No começo, acha que o mundo e ela são a mesma coisa. Depois, acredita que o mundo gira em torno dela. Demora pra perceber que não é bem assim. Tem uns que não percebem nunca, aliás... Nem depois de grandes! Ter filho ajuda a fazer essa ficha cair.

16. Para rever suas prioridades Segundo pesquisa feita pela psicóloga Cecília Russo Troiano, mãe de Beatriz e Gabriel, publicada no livro Vida de Equilibrista – Dores e Delícias da Mãe que Trabalha (ed. Cultrix), 30% das mães dizem que adiaram o plano de ter filhos por causa da carreira. O mundo mudou, as mulheres não trabalham só por escolha, mas por necessidade. Porém, como diz uma das entrevistadas de Cecilia, uma mãe do Rio Grande do Sul, “não ter filho por causa do trabalho não tem sentido”.

17. Ter um bom motivo para chegar mais cedo em casaFilho gosta de quantidade e qualidade. Aquele papo do “fico pouco tempo com meu filho, mas funciona” a gente sabe que não cola. É preciso estar esperto e não bobear: quanto mais tempo com eles, melhor. Férias juntos, então... Fundamental! Ou seja, o tempo passado junto é que é o grande luxo. E para ficar mais tempo com os filhos, temos de nos organizar no trabalho e fazer as coisas funcionarem melhor. É duro, mas... A verdade é que estamos bem no meio de uma transição. Se em 1976, só 20% das mulheres estavam no mercado de trabalho, hoje as trabalhadoras são mais da metade da população feminina no Brasil. Ainda são poucas as empresas que adotam horários flexíveis e programas de home office, mas elas começam a existir.

18. Ficar um tempo sem trabalhar Pra quem não pára nunca, é uma experiência única. A licença-maternidade obrigatória no Brasil tem quatro meses desde a Constituição de 1988. Está em tramitação um projeto de lei estendendo a licença para seis meses, desde que a companhia decida aderir voluntariamente ao esquema em troca de isenção fiscal. Cerca de 40 municípios já adotam a licença maior. A licença paternidade, hoje de cinco dias, seria de 15.

19. Sentir o prazer de amamentar Em 1975, aqui no Brasil, uma a cada duas mulheres amamentava o filho apenas até o segundo ou terceiro mês de vida. Hoje sabemos todos dos enormes benefícios do leite materno para a criança. E sentir que seu corpo é capaz de produzir o alimento de seu filho é uma experiência fantástica.

20. Sentir o prazer de dar de mamar Se não puder amamentar, não estresse, pelo amor de Deus. Não tem de ter culpa de nada, culpa só estraga. Faça da hora da mamadeira uma hora especial, gostosa, única, de intimidade e cumplicidade.

21. Para passar pela experiência do parto Foi durante os anos 70 que o índice de cesarianas no Brasil começou a viver este boom. Pra equilibrar o jogo, nos últimos anos vem crescendo o movimento pelo parto humanizado, com o mínimo de intervenção médica. De novo, não precisa radicalizar: anestesia está aí para ser usada sempre que necessário e ninguém aqui está defendendo sofrimento. O que a gente sabe é que, com ou sem ela, o parto é um daqueles momentos fundadores, em que a vida se renova e a gente nasce de novo, junto com o filho.

22. Para conhecer a pessoa mais linda do mundo O poeta alemão Hölderin dizia sobre a infância: "É integralmente aquilo que é e, portanto, é bela". Filho é sempre lindo. O nosso, muito mais que o dos outros, sempre. E tem de ser assim.

23. Para ouvir alguém te chamar de mãe ou pai Pode parecer a coisa mais babaca do universo, mas que é demais, é. Não tem o que falar. Você sabe o que é isso...

24. Reviver um pouco da sua própria infância, ou tirar uma casquinha da infância deles...“Lembro das primeiras férias de verão com meus filhos, relembrei das minhas. São lembranças que voltam, deliciosamente”, conta nossa colunista Patrícia Broggi, mãe de Luca e Tiago. Ter de brincar com eles, desenhar, cantar, esperar o Papai Noel, a fada do Dente, ler histórias, ver filmes maravilhosos... Ah, que alegria! Você só tem a ganhar!

25. Comprar brinquedos incríveis para eles e para você Em 1894, um tal dr. L.E. Holt dizia, com a maior autoridade: “Com crianças de menos de 6 meses de idade não se deve brincar jamais. Nas idades posteriores, quanto menos se brincar, melhor”. Ainda bem que, hoje, a gente sabe que brincar é fundamental para eles. Volta e meia a gente usa isso como desculpa pra comprar aquele carrinho de controle remoto que eles vão adorar. E que você já adorou. Tudo bem, tá tudo certo. Afinal, esses brinquedos maravilhosos não existiam quando a gente era criança, certo? Então, por que não aproveitar também?

26. Para se renovar e rejuvenescer Ter filho é comprovar a validade da lei do eterno retorno. “Acompanhar uma criança permite retomar em nós aquilo que fomos. Há uma sabedoria infantil que conta com a espontaneidade, com a vontade de descobrir o mundo e com a capacidade de brincar. Quando o adulto consegue recuperar em si essas atitudes, ele se beneficia enormemente”, diz o psicólogo André Trindade.

27. Para entender de uma vez que preocupação com ambiente não é coisa de ecochato A gente sabe: as previsões são catastróficas. Metade da Amazônia pode dançar até 2030, temperatura subindo, calotas derretendo... Ter filho torna a coisa ainda mais urgente, porque a gente quer que o mundo exista pra eles, certo? O que não dá é para acreditar em tudo, se imobilizar e resolver que já acabou e não tem mais o que fazer. Tem, sim, e muito. Pra começar, dentro da sua casa mesmo, na sua vida cotidiana. As próprias crianças estão nos ensinando que tem de cuidar pra ter.

28. Para adquirir hábitos mais saudáveis Com criança em casa a gente revê tudo. Aprendemos, ou reaprendemos e confirmamos, que não precisa de açúcar porque fruta já é doce, que sal tem de ser bem pouquinho, trocamos fritura por grelhado, porque o médico falou, porque a gente leu que é bom. Hoje, estudando o histórico familiar, os pediatras conseguem prevenir uma série de problemas, fazendo ajustes na dieta: se há tendência a alergias, certos alimentos podem ser evitados etc. E, quando a gente vê, está comendo direito ese cuidando mais, junto com eles. A teoria tem muito mais chance de virar prática.

29. Para descobrir seu lado meio médico Sabe aquele talento que mãe tem pra saber o que a criança tem só de olhar e a gente acha impressionante? Logo logo você também passa a ter, você vai ver. Ninguém aqui está falando de se automedicar ou sair usando remédio que nem louca, a torto e a direito, nada disso. Tem de ligar pro médico sempre, isso é básico. Mas ao menos você fica conhecendo os sintomas e já passa o serviço mais completo. E, logo, você vai ser aquela pessoa no trabalho pra quem a colega pede pra ver se está com febre mesmo. Coisa de mãe. Ou pai.

30. Pra sentir um certo gostinho de continuidade O comediante norte-americano Jerry Seinfeld, que a gente adora, disse uma vez: “Já sei o que esses bebês estão fazendo aí. Eles estão aí pra nos substituir”. É piada, óbvio, mas ter filhos, de certa forma, é apostar numa sucessão, em uma continuidade. Você assistiu ao filme Rei Leão? Sabe aquela coisa de pertencer, de estar dentro do ciclo da vida, de ser elo de uma cadeia? É por aí, e é bacana....

31. Descobrir que você sabe contar histórias A escritora e tradutora Lya Luft descobriu que sabia contar histórias para crianças depois que se tornou avó, e até já escreveu dois livros para crianças, em que a personagem principal é ela mesma, uma bruxa boa. Claro que não é todo mundo que tem o talento dela, mas, quando temos filho, parece que é quase natural: a gente se vê relembrando histórias da infância, inventando a partir do nada ou do mote que eles nos dão... E solta um pouco a imaginação, a fantasia... Lidar com o lúdico, né? Coisas que só fazem bem.

32. Para olhar para as coisas de novo, como pela primeira vez“Aprendi com meu filho de dez anos/que a poesia é a descoberta/das coisas que eu nunca vi”. Esses versos de Oswald de Andrade (1890-1954) resumem tudo o que a gente quer dizer. É fácil cair nessa cilada de crescer e ir deixando de se surpreender com as coisas e ligar um tipo de piloto-automático – tudo em nome de, sei lá, um suposto “facilitar a vida”, que, no final das contas, é perder o milagre que a vida é. O filho nos ajuda a trazer tudo isso de volta. O mundo ganha novos sentidos e tudo começa outra vez a cada nova descoberta dele e sua...

33. Ter um motivo para aprender a cozinhar Há 40 anos, a frase “já pode casar”, quando alguma mulher servia um prato saboroso, não era pejorativa, não. Mulher tinha de saber pilotar forno e fogão, era uma espécie de pré-requisito. Hoje a gente pira na hora que tem de fazer a primeira papinha do filho, é ou não é? Acontece que cozinhar pode ser uma enorme delícia e nunca é tarde pra aprender.

34. Porque o pai hoje participa de tudo Nos anos 70, o pai ficava fora da sala de parto, não chegava nem perto de uma mamadeira, não pegava em fralda de jeito nenhum e era “chamado” só na hora de uma bronca mais pesada. Estranho? Na sua casa não é assim? Ainda bem! A pesquisa de Cecília Russo Troiano mostra que a coisa foi mudando aos poucos, sim, mas as mulheres ainda realizam a maior parte das tarefas. Por exemplo: enquanto 91% das mães levam o filho ao médico, só 4% dos pais fazem o mesmo!!! Ok, ok, falta bastante para as coisas se equilibrarem mais, mas o espaço foi aberto e isso é um ganho enorme.

35. Porque a medicina evoluiu muito E isso é muito mais importante do que a gente pensa à primeira vista. Hoje é possível prevenir um monte de doenças, tem vacina contra gripe, rotavírus, hepatite... Se no final dos anos 60 os primeiros aparelhos de ultrasom ainda estavam chegando ao Brasil, hoje temos ultra-som 4D, os avanços das pesquisas de células-tronco não param de nos surpreender e se fala em terapias genéticas para parar doenças como o câncer. Temos mais é que comemorar, e muito.

36. Para sentir o que é ter alguém que confia 100% em você O que é confiar, o que é confiança? Você sabe direitinho a resposta – e sente o que é isso ali, na pele – quando tem uma criança dormindo no seu colo, totalmente entregue. É maravilhoso, assim como a responsabilidade, que até pode assustar, mas faz parte: ter filho é também aprender a lidar com isso.

37. Encarar o futuro de uma nova maneira Sim, porque, quando os filhos chegam, esse conceito deixa de ser uma abstração. A gente não pode mais só esperar que ele chegue; a gente tem de prepará-lo a cada dia. Pode ser nas coisas mais concretas, como se programando financeiramente, fazendo previdência, essas coisas. E também se preocupando em votar em políticos bacanas, entrando pra uma ONG, separando o lixo, o que for.

38. Para ter a enorme chance de se tornar um ser humano melhor Não adianta fazer discurso: criança se espelha no exemplo, não tem jeito. É como você é e como se comporta que vai fazer diferença. É no seu comportamento que seu filho está ligado e é o que ele vai registrando, não tem conversa nenhuma. Falar uma coisa e fazer outra não dá. Ter filho é agüentar a barra do que a gente é, as conseqüências de ser quem somos e das escolhas que fazemos.

39. Ter filho não é dar à luz, é receber iluminação diária Foi nossa colunista Tetê Pacheco, mãe de Bento e Otto, quem escreveu isso, aqui na Pais e Filhos. A gente assina embaixo. O tanto que se aprende, que nos modificamos e crescemos... É pra agradecer todo dia!
40. Porque seu filho é único e tudo que você sente em relação a ele é intraduzível... Tem gente que diz que a escolha de ter filhos é difícil porque é definitiva... Bem, definitivo, para nós, é não ter filhos! E cada um vai descobrir seu jeito de ser pai e mãe, não tem uma receita. Cada universo único que uma vida é. Nós, aqui da Pais e Filhos, só podemos mais uma vez dizer o que a gente vem falando desde sempre, até na missão da nossa revista: aproveite tudo que a maternidade ou a paternidade está te trazendo!
(Li esta matéria em um tópico no efamily e adorei...)

3 de mai de 2009

* 1º Presentinho do meu Blog!!!

Uhuuuuu...Ganhamos nosso primeiro selinho!!! *_*
To super feliz....meu Bloguinho ganhou seu primeiro selinho e foi da minha Fadinha linda a "Debora" (http://queroumavidaemmeuventre.blogspot.com/) ^^

Adorei ta miga.... te adoroooo!!!! E torço mt por ti! (a Debora que me atura lá no 28dias, me salvando das minhas duvidas...kkkkkkkkkk)
*Todo 'selinho' tem regrinhas, mas infelizmente ñ vou poder passar adiante, pois meu bloguinho ainda é BB, tem nem 1 semana de vida, portanto ainta ñ tenho muitos contatos...e todos blogs q conheço ja ganharam este selinho. \o/ De qualquer forma...eu dedico com carinho à todas meninas q passarem por aqui!!!

Ps.: Ñ esqueçam de pegar o selinho de vcs abaixo!!!

Bjssssssssssssss Mil!*

*Meninas...Homenagem ao Blog de vcs!!!!

*Meninas lindas...
este selinho vou presentear as amigas blogueiras que adoram seus blogs como eu, e que teem os bloguinhos lindossssss !
Eles realmente me encantam!!!!
ઇ‍ઉ : ઇ‍ઉ : ઇ‍ઉ : ઇ‍ઉ :
E como qualquer outro selinho, este também tem regrinhas.

1-Colocar o selinho logo no seu blog;
2-Linkar o blog que lhe presenteou.
3-Certificar-se de que publicou os links de seus nomeados no seu post.;
4-Informá-los de que receberam esse prêmio, comentando em seus blogs;
5- Partilhar o carinho, publicando o link deste post e da pessoa de quem você recebeu esse prêmio.

6-Indicar 10 blogs e dizer o que lhe encanta nele.

ઇ‍ઉ As minhas indicadas são:
(http://negabia.blogspot.com/ )

obs: Eu só tinha 10 mesmo, pois meu bloguinho é novo, tem nem 1 semana e está ainda em construção,
portanto, por enquanto conheço poucos bloguinhos.
7- Dizer as três coisas que encantam a sua vida .
*Minha família
*Meu namorido
*Minha filhinha(dog) Dorothy

* Nosso Amor!!! *

Sabe...

Já faz tempo, que eu queria te falar
Das coisas que trago no peito
Saudade,
Já ão sei se é a palavra certa para usar
Ainda lembro do seu jeito.
Não te trago Ouro
Porque ele não entra no céu
E
nenhma riquesa deste mundo.
Não te trago Flores,
Porque elas secam e
caem ao chão
te trago meus versos simples
Mas q fiz de coração.

Não ame por beleza, pois um dia ela acaba.
Não ame por admiração, pois um dia você se decepciona.
Apenas Ame...pois o tempo nunca pode acabar com
um Amor sem explicação.

** Bebê Feliz!!! **

Oi meninas...
Tava passeando pelo Youtube e achei esse vídeo super fofo...
simplesmente alegrou meu dia ver a gargalhada desse BB...